Cooperativa: Como montar uma [Passo a Passo] (2023)

As cooperativas servem para organizar trabalhadores que exercerão determinadas funções. Elas são úteis porque garantem vantagens para os membros e facilitam a organização do trabalho. Para criar uma cooperativa é necessário fazer o registro na Junta Comercial. Segundo a Organização das Cooperativas do Brasil (OCB) existem hoje 13 segmentos de cooperativas.

Para criar uma organização assim, antes de tudo você precisa de planejamento. Os primeiros passos envolvem encontrar o número adequado de pessoas para iniciar o projeto. Esse artigo visa lhe ajudar nesse trabalho. Ele está dividido em passos, para facilitar a criação da cooperativa. Acompanhe.

  • Forme o grupo
  • Estabeleça o objetivo
  • Início do projeto
  • Escolha do ramo
    • Consumo
    • Sociais
    • Trabalho
    • Educacionais
    • Transporte
    • Agropecuárias
    • Saúde
    • Crédito
    • Habitacionais
    • Produção
    • Infraestrutura
    • Mineral
    • Turismo e lazer
    • Outro
  • Crie os valores da cooperativa
  • Crie a estrutura da organização
  • Formalização
  • Capital Social
  • Processo de fundação
  • Receita e fundos
  • Documentação
  • Junta comercial
  • Receita Federal
  • Conclusão

Forme o grupo

O primeiro passo é juntar o número de pessoas para começar a organizar sua cooperativa. Deixe claro para todas as pessoas que você vai chamar quais serão os objetivos da organização. As pessoas devem seguir certos critérios, observe:

  • Precisam ser capazes de responder às próprias necessidades.
  • Devem pensar de forma semelhante à sua a respeito do trabalho que será desenvolvido.
  • Devem ter necessidades próximas às suas.

Você pode chamar pessoas que já começaram as atividades ou que estão interessadas em começar. Depois que tiver o grupo reunido, converse com ele e discuta de que forma vocês podem avançar no projeto. As primeiras conversas deverão ser focadas em responder questões relacionadas às necessidades da cooperativa.

Descubra quais são as demandas comuns que deverão ser supridas. Além disso, saiba como o grupo todo poderá focar na atividade particular para, em conjunto, poder responder a essas demandas.

Estabeleça o objetivo

Você deve elaborar, com ajuda do grupo, o objetivo final que devem atingir. Há vários tipos de cooperativas e cada uma possui objetivos diferentes. É importante descobrir de que forma esses objetivos podem ser atingidos. Isso dependerá exclusivamente do conjunto de esforços particulares. Dessa forma, é útil que você consiga incentivar o grupo a demonstrar o melhor de cada um.

O passo fundamental aqui é assegurar que dentro do coletivo existam – ou venham a existir – capacidades, esforços e conhecimentos necessários para desenvolver e gerir cada aspecto da cooperativa. Fazendo um levantamento de especialidades junto aos membros, você poderá traçar um plano de melhoria. Poderá saber quais as necessidades de formação que precisam ser aprimoradas e as capacidades que ainda não existem no coletivo.

Início do projeto

Definidas as necessidades e objetivos, você deve começar a elaborar o projeto da cooperativa ou oplano de negócios. Durante o processo de elaboração, deve estar sempre claro que o objetivo é que ele atenda às necessidades do coletivo (os interesses comuns dos membros). O projeto deve visar meios de garantir a sustentabilidade em longo prazo da cooperativa.

(Video) ✅ Como criar uma Cooperativa?

Para deixar o planejamento mais objetivo e claro, responda às seguintes questões:

  • Que tipo de atividade a cooperativa irá desenvolver?
  • Para quem a cooperativa irá desenvolver e oferecer seus produtos?
  • De que forma a cooperativa irá garantir a sustentabilidade financeira?
  • Quais são os pontos fortes e os pontos fracos do coletivo?
  • Que tipo de adversidade vocês irão enfrentar, seja regional, nacional ou internacional?

Depois de encontrar respostas para essas questões, organize-as em termos claros em um documento. Ele irá guiar a implementação do projeto.

Escolha do ramo

No Brasil, há 13 ramos de cooperativas definidos. Para poder exercer as atividades, é preciso escolher o ramo para se adequar. Veja quais são eles:

Consumo

Os grupos fazem compras de produtos coletivamente, para poderem conseguir um preço menor. Servem para abastecer as próprias finalidades.

Sociais

O objetivo é integrar pessoas no mercado para que elas realizem determinados trabalhos. Servem para ajudar trabalhadores que se encontram em desvantagem perante outros.

Trabalho

São feitas para reunir em uma única organização várias pessoas que desempenham a mesma atividade de maneira autônoma. As cooperativas de trabalho servem para oferecer melhores condições profissionais para todos.

Educacionais

Funcionam para garantir outras formas de ensino que não as tradicionais. São formadas por professores autônomos e pais de alunos, que, por meio de escolas, prestam diversos serviços de educação.

Transporte

São parecidas com as cooperativas de trabalho, com a diferença de que seus membros são trabalhadores do ramo de transporte. Eles prestam serviços de cargas e viagens. Devido às particularidades da função, trata-se de uma categoria própria, não se enquadrando no ramo das cooperativas de trabalho.

Agropecuárias

É nessa categoria que as cooperativas são mais enquadradas. Estima-se que aproximadamente 50% de tudo o que é produzido no meio agrário do Brasil passa de alguma forma por uma cooperativa. Participam delas produtores rurais de vários perfis, agropastoris e trabalhadores do ramo da pesca.

(Video) 5 passos para constituir uma cooperativa

Saúde

São formadas por médicos e outros profissionais de saúde, com o objetivo de oferecer serviços desse nicho. Normalmente são criadas para atender pessoas que não têm condição de adquirir os planos de saúde tradicionais.

Crédito

Exercem funções financeiras, como empréstimo e administração de poupanças. Seu trabalho é próximo de instituições financeiras, e por isso o Banco Central do Brasil regula todas as suas atividades.

Habitacionais

Oferecem imóveis para os membros, por meio de uma contribuição mensal dos cooperados.

Produção

É uma organização feita por produtores que trabalham de maneira comum. Ou seja, eles mesmos são donos da propriedade dos meios de produção, de forma que compartilham os lucros.

Infraestrutura

As cooperativas de estrutura estão relacionadas à serviços básicos como água, energia, saneamento básico, segurança e limpeza pública, entre outros.

Mineral

Quando mineradoras se reúnem para realizar trabalhos de extração, industrialização e comercialização dos minérios.

Turismo e lazer

São prestadoras de serviços relacionados ao turismo e lazer, como hospedagem e guiamento.

Outro

Quando o ramo que será exercido não se enquadra em nenhum dos segmentos aqui descritos, é preciso adequá-lo a um novo. Com o tempo, alguns ramos podem deixar de existir e outros surgirem, de acordo com as regras da OCB.

Crie os valores da cooperativa

Osvalores são a base de onde irá emanar toda a direção das ações da cooperativa. Uma empresa sem valores não tem pontos de partida. Os membros devem discutir a esse respeito para desenvolver os princípios coletivos. Todos devem concordar com eles e segui-los, porque a organização e a direção dos negócios dependem dessas linhas de orientação.

(Video) Cooperativa ou Associação de Artesãos?

É ideal que os membros formalizem seu apoio aos valores da cooperativa. É simples de realizar isso, e pode poupar problemas futuros. Crie uma declaração de compromisso, em que tenha elencado os valores e princípios da cooperativa. Em seguida, leve o documento em uma reunião e peça para os membros o assinarem.

Crie a estrutura da organização

A estrutura de uma cooperativa é igual a de empresas comuns. Ou seja, ela possui diversos membros que se organizam de modo que cada um exerça um papel, com responsabilidades próprias e dentro de uma hierarquia pré-definida. Para que cada membro saiba o que irá fazer dentro da estrutura, é preciso eleger órgãos sociais.

Cada órgão social possui titulares com responsabilidades bem específicas. Estruturas democráticas de cooperativas possuem as divisões com o intuito de promover interesses de toda a organização por meio de ações eficientes. Independentemente do tamanho da estrutura e, por consequência, do número de membros, é preciso que todos estejam envolvidos na gestão do dia a dia e na tomada de decisões. Esses representantes, por terem sido eleitos, irão representar todos os membros diante da sociedade.

Normalmente, o órgão social supremo de uma cooperativa é a Assembleia Geral. Abaixo dela, possuindo igual poder e posição, estão a Direção, que é o órgão de gestão, e o Conselho Fiscal, que é o órgão de fiscalização. É importante que, depois de definir os líderes dos órgãos sociais, seus nomes sejam registrados no estatuto da cooperativa.

Formalização

Agora é hora de formalizar a cooperativa. É preciso organizar o estatuto, no qual estarão as linhas gerais do funcionamento, é como o contrato dos cooperados. Ele precisa ter:

  • Denominação, área de atuação, sede e outros dados relacionados ao exercício profissional.
  • Direitos, deveres, responsabilidades e condições de admissão e demissão dos membros.
  • Método de administração e fiscalização.
  • Capital mínimo que será trabalhado.
  • Regras para a convocação e funcionamento de assembleias gerais.
  • Processo de dissolução voluntária da sociedade e de reforma do estatuto.

Capital Social

Para prestar serviço e ter meios de instalação e equipamento necessário, é necessário de capital social. Você deve especificar esses pontos para saber quanto cada membro do grupo deverá contribuir. Elabore um projeto, no qual o capital será dividido em quotas. O valor unitário deve ser menor que o menor salário-mínimo do país.

O associado deve contribuir no máximo com 1/3 (um terço) do total das quotas. Há exceções, no caso em que a subscrição deve ser proporcional ao movimento financeiro ou aos meios de produção. O pagamento pode ser feito através de prestações.

Processo de fundação

A seguir você fará a fundação, veja:

  1. Reunião: É feita com todas as pessoas interessadas no projeto para determinar os objetivos, escolher a comissão e eleger o coordenador dos trabalhos.
  2. Verificação do trabalho: É preciso, então, discutir com todos os associados a viabilidade das condições do projeto.
  3. Proposta do estatuto: Os membros deverão conhecer e discutir as propostas do estatuto e receber uma cópia para todos.
  4. Fundação: A Assembleia Geral de Constituição é então criada para fundar a cooperativa. Determine a hora e o local com antecedência, utilizando as melhores formas de avisar todos os interessados. É necessário que a assembleia tenha no mínimo 20 pessoas.

Receita e fundos

A receita da cooperativa advém, principalmente, da taxa de administração ou serviço da organização. Ela retém um percentual sobre o valor das operações realizadas pelo cooperado. Quando a taxa de serviço for mais alta do que é necessário para pagar as despesas, acontecem as sobras. Por outro lado, se a taxa for baixa, pode haver perdas. De todo modo, é a Assembleia Geral que irá decidir como será feito o rateio das sobras e perdas.

(Video) Primeros pasos para conformar legalmente una cooperativa - RC07

As cooperativas devem, obrigatoriamente, constituir um fundo de reserva. Ele será útil para cobrir as perdas que eventualmente poderão acontecer. Além disso, servirão para desenvolver as atividades. Deve conter, pelo menos, 10% do valor obtido de sobras líquidas no decorrer do exercício.

Além disso, é importante obter o fundo de Assistência Técnica, Educacional e Social (Fates). Ele serve para que os associados e familiares tenham assistência. Em certos casos, pode servir também para os empregados da cooperativa. É preciso destinar ao menos 5% das sobras líquidas no decorrer do exercício. Os dois fundos são indivisíveis.

Se a Assembleia Geral desejar, ela poderá criar outros tipos de fundos, mesmo rotativos. A ata deve conter o modo de arrecadação, aplicação e liquidação.

Documentação

Segundo o que estabelece o Direito brasileiro, através do Código Civil, no artigo 982, as cooperativas são sociedades de pessoas que exercem uma determinada atividade, tendo forma e natureza jurídica que lhes são próprias.

Enquanto natureza jurídica, a responsabilidade sobre as cooperativas é pessoal, solidária ou de forma limitada. Nessa última forma, é o valor subscrito que determina a responsabilidade. As sociedades formadas podem, então, ser limitadas ou ilimitadas.

A documentação necessária deve ser apresentada na reunião para constituir a cooperativa. Organize com antecedência a Capa de Processo (cópia e original), estatuto social, comprovantes de pagamento da DARF e para a Junta Comercial, entre outros. Veja a lista completa:

Junta comercial

  • Relação nominativa dos membros.
  • RG e CPF do presidente em cópia.
  • Comprovante de residência do presidente em cópia.
  • Cópia de um comprovante da sede de funcionamento.
  • Quatro vias da Ata de Assembleia Geral de Constituição e do Estatuto. Elas devem estar todas rubricadas pelos associados fundadores, e na última página de cada é preciso ter o visto de advogado.

Receita Federal

  • Comprovante de residência e cópia do RG e do CPF de todos os diretores.
  • Ficha cadastral e ficha complementar (CNPJ).
  • Lista dos associados.

Conclusão

As cooperativas dependem principalmente das discussões dos interessados a respeito das regras que terão. O objetivo principal é chegar a um acordo, com regras que sejam obedecidas e respeitadas por todos. Em seguida parte-se para a parte legal, a fim de obter o registro na Junta Comercial para o início das atividades.

Gostou do texto? Deixe um comentário!

(Video) ▶️ 9 PASSOS PARA ABRIR UMA COOPERATIVA DE VEÍCULOS

FAQs

Que tipo de atividade a cooperativa irá desenvolver? ›

O intuito é possibilitar a pesquisa, extração, lavra, industrialização, comercialização, importação e exportação de produtos minerais. Além das atividades específicas do setor, as cooperativas geralmente apoiam os seus associados em outros aspectos como alimentação, saúde, educação etc.

Quais as vantagens e desvantagens de uma cooperativa? ›

Abaixo listamos algumas vantagens da sociedade cooperativa: Fácil constituição: A formação de uma organização cooperativa é simples se comparada à de qualquer outra organização empresarial. Não limita quantidade de pessoas, o processo de registro é simples e também não restringe a entrada e saída de membros.

Como é formado o capital social das cooperativas? ›

R - Na cooperativa, o capital social é formado através das quotas-parte quando da adesão dos cooperados.

Quais são os impostos pagos por uma cooperativa? ›

As cooperativas pagam Imposto de Renda (IRPJ) e Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) sobre os atos não-cooperativos. O parágrafo único do artigo 79 da Lei 5.764/1971 estipula que o ato cooperativo não implica operação de mercado, nem contrato de compra e venda de produto ou mercadoria.

Qual o custo para montar uma cooperativa? ›

Segundo o levantamento, são necessários R$ 4,9 mil para a criação de uma cooperativa, ou seja, para a constituição de sua infra-estrutura física.

Como é que se ganha dinheiro com cooperativa? ›

O capital depositado pelos associados é remunerado anualmente em até 100% da taxa Selic. O índice de correção pode ser escolhido pela cooperativa, mas é limitado ao máximo que a Selic atingir. Na maioria dos casos, esses juros são somados à cota do capital social de cada cooperado, que vai crescendo ao longo dos anos.

Quantas pessoas são necessárias para formar uma cooperativa? ›

Em geral, uma cooperativa precisa de, no mínimo, 20 pessoas para ser constituída. Mas no caso das cooperativas de trabalho ou produção, 7 pessoas são suficientes.

Quem trabalha em cooperativa paga imposto de renda? ›

Estão sujeitas à incidência do imposto na fonte à alíquota de um e meio por cento as importâncias pagas ou creditadas por pessoas jurídicas a cooperativas de trabalho, associações de profissionais ou assemelhadas, relativas a serviços pessoais que lhes forem prestados por associados destas ou colocados à disposição ( ...

Quais os riscos de uma cooperativa? ›

Assim como qualquer outra instituição, muitos são os riscos ao qual uma cooperativa está exposta, como exemplo, da visão macroeconômica, tem-se o risco financeiro de mercado como taxas de juros e mudanças no cenário político e econômico, que num país como o Brasil são variáveismuito instáveis.

Qual é a função de um Presidente de uma cooperativa? ›

Entre as funções do presidente, cabe providenciar os meios necessários para o alcance dos objetivos gerais da cooperativa, conforme discutidos e aprovados em assembléia geral de sócios.

Quem trabalha em cooperativa tem direito ao PIS? ›

Marina, na Cooperativa normalmente não se é empregado, mas sim, cooperado. Dessa forma, como a cooperativa não participa do Progama de Integração Social, ela não tem direito ao PIS, se este foi o único trabalho que ela teve em 2011.

Quem são os sócios de uma cooperativa? ›

Dessa forma devemos concluir que a cooperativa é a junção da sociedade de pessoas com a empresa coletiva. E sendo assim, a cooperativa não tem sóciossão os sócios que têm a cooperativa. Os sócios são a cooperativa e a sua expressão maior de existência.

É possível vender uma cooperativa? ›

Independente do tipo de cooperativa, caso a mesma esteja regularizada com o Estatuto Social registrado na Junta Comercial, é possível vende-la, sim!

Quais são os componentes da estrutura de uma cooperativa? ›

A estrutura organizacional dessas organizações é formada basicamente pela Assembléia Geral, pelo Conselho de Administração e pelo Conselho Fiscal, que têm funções e atribuições especificadas no Estatuto Social. Esses órgãos são compostos por associados eleitos ou por todos os membros de forma democrática.

Qual o valor que desconta de INSS na cooperativa? ›

Sendo assim, considerando o salário mínimo federal de R$ 937,00 a contribuição mínima para um sócio-cooperado é de R$ 187,40 e, considerando o teto do INSS sobre o rendimento de R$ 5.531,31 ou mais, a contribuição será no valor de R$1.106,26 (dados baseados no site da Previdência com data de atualização 16/01/17).

Quem administra a cooperativa? ›

A sociedade cooperativa será administrada por uma diretoria ou conselho de administração ou ainda outros órgãos necessários à administração previstos no estatuto, composto exclusivamente de associados eleitos pela assembleia geral, com mandato nunca superior a quatro anos sendo obrigatória a renovação de, no mínimo, 1/ ...

Qual Imposto cooperativa não paga? ›

A contribuição social sobre o lucro não incide sobre a atividade cooperativista, pois as cooperativas não auferem lucros em suas atividades, conforme prevê a própria Lei nº 5.764/71, artigo 3º. Parágrafo único.

Quanto ganha um dono de cooperativa? ›

Quanto ganha um gestor de cooperativas?
PorteTraineePleno
Grande EmpresaR$ 2.813,19R$ 4.395,61
Média EmpresaR$ 2.163,99R$ 3.381,24
Pequena EmpresaR$ 1.664,61R$ 2.600,95
20 May 2021

Como funciona uma pequena cooperativa? ›

Uma sociedade cooperativa é uma livre associação entre trabalhadores da mesma atividade econômica. O grupo se forma para prestar serviços de qualidade aos membros e para obter vantagens competitivas no mercado. Para ilustrar, digamos que você precise adquirir equipamentos antes de abrir uma loja.

Quem fica com os lucros da cooperativa? ›

Em outras instituições, como os bancos tradicionais, essas sobras se consolidam como lucros e são distribuídas entre os acionistas. Já no caso de uma cooperativa de crédito, o total é dividido entre todos os cooperados.

Quais as vantagens de ser dono de cooperativa? ›

Veja a seguir algumas vantagens que o cooperativismo proporciona:
  1. Adesão voluntária e ilimitada. ...
  2. Acesso a crédito para investimentos e capacitação. ...
  3. Ser dono e cliente ao mesmo tempo. ...
  4. Gestão democrática. ...
  5. Atendimento personalizado. ...
  6. Garantia de segurança e proteção. ...
  7. Melhores rendimentos. ...
  8. Compromisso social.
5 Apr 2022

Qual a vantagem de ser uma cooperativa? ›

Formação mais facilitada

O simples registro e o número ilimitado de pessoas participantes jogam a favor do cooperativismo é bem mais fácil. Soma-se a isso a ausência de restrição para entrada e saída de membros. Além disso, morte ou incapacidade permanente não são capazes de dissolver uma organização desse modelo.

Quanto tempo leva para abrir uma cooperativa? ›

A autorização para abertura da cooperativa ocorre em até 60 dias pelo órgão deliberativo e controlador, pela Junta Comercial e Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB).

Qual é a função de uma cooperativa? ›

Em uma cooperativa todos são donos do negócio. Afinal, uma cooperativa é diferente de uma empresa privada porque não visa o lucro, mas a satisfação das necessidades econômicas de seus cooperados. Ou seja, os trabalhadores, produtores e consumidores. A atuação de uma cooperativa é pautada pelo Estatuto da Cooperativa.

Onde é feito o registro das cooperativas? ›

As sociedades cooperativas, portanto devem ser registradas no Registro Civil das Pessoas Jurídicas e não nas Juntas Comerciais.

Quem trabalha em cooperativa paga INSS? ›

Sobre o valor pago aos cooperados não existem encargos de INSS (este é devido pelo contratante/tomador em 15% sobre a nota fiscal/fatura emitida no mês), também não é devido o FGTS. Deve ser efetuado o desconto da contribuição ao INSS do cooperado e recolher em GPS específica com código de pagamento 2127.

Quem trabalha em cooperativa tem direito ao INSS? ›

As pessoas que trabalharam vinculadas às cooperativas podem, desde que o trabalho tenha acontecido a partir de junho de 2003, ter seus direitos assegurados pelo INSS, inclusive a aposentadoria por tempo de contribuição mesmo sem contribuição. É isso mesmo.

Quem trabalha em cooperativa e autônomo? ›

As cooperativas de trabalhos são sociedades que nascem da vontade de seus membros, todos profissionais autônomos, de prestar serviços aos próprios associados, através de esforço cooperado conjunto e por terem os mesmos ideais de trabalho.

Porque a cooperativa não pode falir? ›

De acordo com o parágrafo único do artigo 982 do Código Civil, a cooperativa é considerada uma sociedade simples. A sociedade simples não está sujeita à falência, assim não se aplica o instituto falimentar à cooperativa.

O que é mais importante em uma cooperativa? ›

Participação econômica dos membros: Todos os membros devem contribuir igualmente para o capital da cooperativa. Uma parcela do valor é de propriedade comum da cooperativa e os cooperados recebem rendimentos limitados ao capital integralizado, quando existir. A finalidade dos excedentes é decidida democraticamente.

Quais os principais direitos 5 e deveres do associado 5 em uma cooperativa? ›

Direitos dos associados:
  • - Participar das assembleias da cooperativa. ...
  • - Votar e ser votado. ...
  • - Opinar e defender suas ideias. ...
  • - Participar das operações da cooperativa. ...
  • - Examinar livros e documentos. ...
  • - Pedir esclarecimentos aos conselhos de administração e/ou fiscal. ...
  • - Convocar a assembleia, caso seja necessário.
29 Feb 2016

Quais são os 3 cargos que integram a diretoria da cooperativa? ›

Usualmente três Diretores Executivos: o Presidente, o Vice-Presidente e o Secretário, ou Diretor Superintendente, sendo comum terem os três funções executivas especificas. A renovação de 1/3 é feita sobre o total dos membros do conselho (Diretoria mais vogais).

Quem trabalha em cooperativa tem FGTS? ›

O agente cooperado, quando atua em uma legítima cooperativa não possui direitos trabalhistas. Todavia, quando há configuração da fraude por desvio de finalidade, ou seja, quando a cooperativa atua como mera intermediadora de mão de obra, podem ser exigidos os direitos trabalhistas, tais como: fundo de garantia (FGTS)

Quem trabalha em cooperativa tem carteira assinada? ›

Guia Trabalhista

“Qualquer que seja o ramo de atividade da sociedade cooperativa, não existe vínculo empregatício entre ela e seus associados, nem entre estes e os tomadores de serviços daquelas”.

Como trabalhar como cooperado? ›

Quando uma empresa decide contratar uma cooperativa de trabalho, ele faz a contratação da mão de obra dos sócios cooperados. Ao fazer esse tipo de contratação, a empresa tomadora recebe os serviços de sócios cooperados de forma qualificada e tem a redução de diversos custos trabalhistas.

Quem pode ser cooperativa? ›

O ingresso nas cooperativas é livre a todos que desejarem utilizar os serviços prestados pela mesma, desde que adiram aos propósitos sociais e preencham as condições estabelecidas no estatuto (art. 29 da Lei 5.764/71).

Quais são os 3 objetivos do cooperativismo? ›

Saiba quais são os objetivos do cooperativismo
  • Busca uma gestão democrática. ...
  • Preza pela autonomia e independência. ...
  • Adesão voluntária e livre em uma cooperativa. ...
  • Conte com uma empresa especializada.
29 Aug 2022

Quais as 5 maiores cooperativas do Brasil? ›

Grandes cooperativas do Brasil
  • Aurora Alimentos. Fundada em 1969, por 18 homens que representavam oito cooperativas de Santa Catarina, a Aurora Alimentos hoje é a maior cooperativa produtora de alimentos do Brasil e referência no mundo em tecnologia e produção de carnes. ...
  • Lar. ...
  • COAMO. ...
  • Sicredi. ...
  • Copersucar. ...
  • Frimesa.
4 Nov 2022

Como montar uma pequena cooperativa? ›

Documentação para a constituição de uma cooperativa
  1. Quatro vias da Ata de Assembleia Geral de Constituição e do Estatuto. ...
  2. Cópia da Carteira de Identidade (RG) e do Cadastro de Pessoa Física (CPF) do presidente.
  3. Relação nominativa dos presentes.
  4. Cópia do comprovante de residência do presidente.

Quais questões é necessário fazer antes de criar uma cooperativa? ›

É preciso organizar o estatuto, no qual estarão as linhas gerais do funcionamento, é como o contrato dos cooperados. Ele precisa ter: Denominação, área de atuação, sede e outros dados relacionados ao exercício profissional. Direitos, deveres, responsabilidades e condições de admissão e demissão dos membros.

Como é a organização de uma cooperativa? ›

Uma cooperativa é composta por pessoas e não pode haver limite de cooperados. Ela deve ser obrigatoriamente democrática, ou seja, todos devem ter poder de voto. Além disso, as cooperativas não estão sujeitas à falência. E não é possível transferir quotas-parte a terceiros, estranhos à sociedade, mesmo que por herança.

Quais são os 5 elementos básicos da aprendizagem cooperativa? ›

A Aprendizagem Cooperativa tradicional (LOPES & SILVA, 2009) trabalha com cinco elementos essenciais: interdependência positiva, responsabilidade individual e de grupo, interação estimuladora (de preferência face a face), competências sociais e processo de grupo.

Quais são as etapas de elaboração de um estatuto social de uma cooperativa? ›

Averiguar as condições dos interessados, em relação aos objetivos da cooperativa; Verificar viabilidade econômica, financeira, mercadológica e social da cooperativa; Escolher uma comissão para tratar das providências necessárias à constituição da cooperativa, com indicação do coordenador dos trabalhos.

Quais documentos são necessários a uma associação ou cooperativa? ›

Cópia do RG (Carteira de Identidade) e CPF do(s) representante(s) legal(is) da associação ou cooperativa (presidente e tesoureiro) (se o n.º do CPF estiver registrado no RG, basta encaminhar a cópia do RG). Cópia do Estatuto e Ata de eleição/posse da atual diretoria da associação ou cooperativa.

Quem assina por uma cooperativa? ›

Ressalte-se que o ato constitutivo da cooperativa será assinado pelos fundadores, bem como seus estatutos, quando não transcritos na ata de constituição.

Qual o número mínimo de pessoas para formar uma cooperativa? ›

Em geral, uma cooperativa precisa de, no mínimo, 20 pessoas para ser constituída. Mas no caso das cooperativas de trabalho ou produção, 7 pessoas são suficientes.

Qual a vantagem de se criar uma cooperativa? ›

A seguir, veja os pontos positivos do sistema de cooperativa e entenda quais são os impactos gerados!
  1. Adesão voluntária e ilimitada. ...
  2. Paridade entre os associados. ...
  3. Divisão do valor arrecadado. ...
  4. Acesso a condições exclusivas. ...
  5. Estímulo ao desenvolvimento local. ...
  6. Garantia de segurança e proteção. ...
  7. Cooperação entre os participantes.
28 Jun 2019

Quanto custa o CNPJ de uma associação? ›

Abrir um CNPJ é sinônimo de abrir uma empresa. Afinal, a sigla CNPJ significa Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica. Portanto, o número do CNPJ é o número único de identificação de uma empresa no cadastro mantido pela Receita Federal. A abertura do CNPJ na Receita Federal é gratuita, feita pelo portal Redesim.

Qual o valor para registrar um estatuto no Cartório? ›

Custo: R$ 100, em média, é o custo logístico para registro da ata na cidade de São ... Importante: os cartórios cobram o mesmo preço para registrar a ata física ou ...

Qual o valor para registrar uma ata no Cartório? ›

Observação: a cada ata deve-se começar a contar as páginas novamente, ou seja, sempre para primeira página da ATA cobra-se R$ 72,27.

Videos

1. Como formar uma cooperativa
(SomosCoop)
2. ¿Cómo crear una cooperativa?
(AndaluciaEmprende)
3. 🤝🏼  O que é e como criar uma cooperativa | com Alécio Mascarenhas
(Sebrae Talks)
4. Curso Como Montar uma Cooperativa de Trabalhadores Rurais - Cursos CPT
(Cursos CPT)
5. Como abrir e administrar uma cooperativa!!!EP 1-2022
(Cristiano Falcão)
6. Como criar uma cooperativa?
(Educação Cooperativista)
Top Articles
Latest Posts
Article information

Author: Nathanael Baumbach

Last Updated: 02/07/2023

Views: 5960

Rating: 4.4 / 5 (75 voted)

Reviews: 82% of readers found this page helpful

Author information

Name: Nathanael Baumbach

Birthday: 1998-12-02

Address: Apt. 829 751 Glover View, West Orlando, IN 22436

Phone: +901025288581

Job: Internal IT Coordinator

Hobby: Gunsmithing, Motor sports, Flying, Skiing, Hooping, Lego building, Ice skating

Introduction: My name is Nathanael Baumbach, I am a fantastic, nice, victorious, brave, healthy, cute, glorious person who loves writing and wants to share my knowledge and understanding with you.